sábado, dezembro 09, 2017

JESUS E PEDRO

Disse-lhes Simão Pedro: Vou pescar. Dizem-lhe eles: Também nós vamos contigo. Foram, e subiram logo para o barco, e naquela noite nada apanharam.
E, sendo já manhã, Jesus se apresentou na praia, mas os discípulos não conheceram que era Jesus.
Disse-lhes, pois, Jesus: Filhos, tendes alguma coisa de comer? Responderam-lhe: Não.
E ele lhes disse: Lançai a rede para o lado direito do barco, e achareis. Lançaram-na, pois, e já não a podiam tirar, pela multidão dos peixes.
Então aquele discípulo, a quem Jesus amava, disse a Pedro: É o Senhor. E, quando Simão Pedro ouviu que era o Senhor, cingiu-se com a túnica (porque estava nu) e lançou-se ao mar.
E os outros discípulos foram com o barco (porque não estavam distantes da terra senão quase duzentos côvados), levando a rede cheia de peixes.
Logo que desceram para terra, viram ali brasas, e um peixe posto em cima, e pão.
Disse-lhes Jesus: Trazei dos peixes que agora apanhastes.
Simão Pedro subiu e puxou a rede para terra, cheia de cento e cinqüenta e três grandes peixes e, sendo tantos, não se rompeu a rede.
Disse-lhes Jesus: Vinde, comei. E nenhum dos discípulos ousava perguntar-lhe: Quem és tu? sabendo que era o Senhor.
Chegou, pois, Jesus, e tomou o pão, e deu-lhes e, semelhantemente o peixe.
João 21:3-13

   Apos a morte de Jesus, Pedro volta ao seu antigo trabalho antes do chamado de Cristo( Mat 4:19-20), talvez Pedro estava triste, envergonhado, se considerando indigno do chamado do Mestre. Afinal Pedro era um homem ousado, apaixonado, estav
a sempre com Jesus, foi o único que quando Jesus perguntou aos seus discípulos, quem acham que eu sou, ele respondeu, " Tu és o Cristo" ( Mat 16:16), Pedro foi aquele que disse que se fosse necessário morreria com Cristo.
   Mas não aconteceu como imaginamos, ou como Pedro imaginava, no momento mais sombrio de Cristo, antes de ser crucificado, aquele que andou com Ele, que disse que morreria por ele, agora o nega de o conhecer, de saber quem ele era. E quando Pedro cai a ficha do que havia feito, negado a Cristo, ele se sente envergonhado.
  As vezes somos como Pedro, estamos ao lado Dele, conhecemos a Ele, contemplamos os milagres Dele, dizemos que vamos errar, mas acabamos caindo no erro e nos sentimos envergonhados diante Dele. E talvez você esteja se sentindo assim, se sentindo indigno de Jesus.
  Pedro volta as suas antigas atividades, não temos relado de Pedro pescando apos ser chamado por Jesus, apenas neste episodio. E um belo dia, na sua atividade, a noite não é propicia para a pesca, toda a noite tentando, mas sem sucesso, e agora ao amanhecer aparece um homem, mostrando a direção onde lançar a rede, e quando fazem isso, são surpreendidos com uma quantidade enorme de peixes. E ao olharem aquele homem, não tem dúvidas, é o Senhor, Aquele que é o dono de todas as coisas inclusive do mar e seus peixes.
   Jesus aparece a Pedro após a sua ressurreição não aparece para dar uma bronca em Pedro, nem com acusação contra Pedro por ter negado a Ele, mas Jesus prepara uma refeição para Pedro e seus amigos, que homem é este? Aleluia. Muitas vezes achamos que Jesus não vai nos perdoar, não vai mais nos amar, mas esta é uma mentira do inimigo contra nós. Porque mesmo quando erramos, mas nos arrependemos dos nossos erros e nos achegamos a Ele, Ele esta com os braços estendidos para nós, para nos amar, nos perdoar e nos envolver em sua presença.
   Não importa onde você esteja, Cristo neste momento vai ao seu encontro, para te lembrar e reafirmar o chamado Dele na sua vida, não importa o quão longe você já foi, ainda é tempo de voltar, ainda é tempo fazer aquilo que Ele te chamou para fazer. Pedro ao reconhece-lo já não se importou com os peixes, mas prefirou ir de encontro a Jesus, o seu amado Senhor. Faça como Pedro, largue tudo e volte para Jesus, Ele te chama com os braços abertos para você, não com acusação, mas com perdão para você.

sábado, setembro 02, 2017

Cristo é seu alicerce?


Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha;
E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha
Mateus 7:24,25

   
   A vida é um verdadeiro mistério, não podemos saber quanto tempo iremos viver, isso é algo que pertence somente a Deus. Muitos de nós temos sonhos, projetos, e louvado seja a Deus por isso, pois muitos de nossos sonhos, são sonhos de Deus para nós. Muitas vezes projetamos tantas coisas, pensamos no amanhã, vivemos no amanhã, nos imaginamos pessoas bem sucedidas, formadas e em uma carreira de sucesso. Mas algo é muito importante apesar de isso tudo, ou melhor, acima de tudo isso, a nossa fé em Cristo.
    O amanhã é muito incerto, e Cristo deve ser a nossa ancora, o nosso alicerce, porque apesar de conquistarmos uma formação, um bom emprego, uma grande empresa, é preciso ter nosso nome escrito no livro da vida. A morte é algo doloroso até mesmo de falar, mas é uma realidade, e eu to vendo tantas pessoas deixando Cristo de lado, por conquistas nesta vida. A Bíblia diz que só existe um meio para sermos salvos, através de Cristo. Então precisamos estar Nele em todo o tempo, no centro da vontade de Deus.
  Quando Cristo é o alicerce da nossa vida, não precisamos temer, não somos frustados e nem decepcionados, porque Ele é a Rocha Eterna, e Nele não somos abalados, Aleluia.
   Nada te impede de lutar pelos seus ideais, mas não deixe Cristo de lado. Vivemos num mundo cruel em todos os sentidos, e mesmo sendo alguém bem sucedido e que esteja no auge dos seus sonhos,você precisa ter um alicerce, para que continue inabalável. Este é o segredo de grandes homens e mulheres de Deus, fizeram do Senhor, o seu refúgio, sua fortaleza, seu alicerce, seu escudo, e por mais que enfrentem tempestades são amparados por Esse Cristo que nos da segurança.
    Não deixe Cristo em segundo lugar, Ele deve ser prioridade, o amanhã não nos pertence, nem mesmo cada segundo da nossa vida, esperamos o arrebatamento, mas se Ele pedir hoje o seu folego de vida, seu nome vai estar escrito no livro da vida?

terça-feira, agosto 22, 2017

Parábola dos Talentos

 "Disse-lhe o seu senhor: Bem está, bom e fiel servo. Sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor."
 Mat 25:23


   Quando Cristo foi para o céu, Ele se afastou por um tempo, porém enviou o Seu Santo Espirito para capacitar a Igreja e lhe confiou alguns bens, que são os dons. 
   Cristo da a cada um, conforme a sua capacidade( ou seja, Ele da a cada um conforme a pessoa possa suportar). Alguns mais e outros menos, todos tinham pelo menos um talento, não eram iguais, porque não teriam habilidades e oportunidades iguais.
   Imediatamente o que recebera 5 e 2, saíram a negociar e conseguiram dobrar os talentos. Porém o que recebera um talento o enterrou( talvez com medo de perder o pouco que tinha)
   A maioria dos teólogos vai concordar que estes talentos são dons naturais, ex: cantar, tocar, construir, pintar, palavra.
  Aquele Senhor um dia volta para a prestação de contas. E cada um vai apresentar o que fizeram com seus talentos para Ele.
  Da mesma forma Cristo vai voltar, também prestaremos contas de nossos talentos a Ele. 2 Co 5:10
*Todos hão de prestar contas Rom 14:10
*Neste julgamento serão provadas as obras dos salvos. As que forem provadas receberão galardão 1 Co 3:13-14.
    Tudo passará pelo fogo que há de prová-las. Não trata de aparência externa ou de propaganda, louvor próprio. O valor diante de Deus esta relacionado com a fidelidade, a obediência, o amor, a abnegação e a humildade com que foram feitas.
* O Senhor pesará as nossas obras 1 Sm 2:3
   O Espirito Santo, que como um fogo vai executar a prova é o mesmo Espirito que está hoje entre nós.
   Como um aluno se esforça e se prepara para uma boa prova na escola, e obtém boas notas, do mesmo modo podemos melhorar o nosso resultado " naquele dia", se permitimos que o Espirito Santo, desde já, inspire no serviço.
   Paulo compara o serviço cristão, com o atleta que busca o seu prêmio. 1 Co 9:24-25